quinta-feira, 22 de setembro de 2016

O Espaço Luciana Toledo, poderia ser mais objetiva e não se deixar influenciar pela concorrência

O segmento de publicidade, propaganda e marketing em Belo Horizonte, é um dos mais concorridos, briguentos e rixentos que se tem notícia. O concorrente não suporta que abordemos determinado cliente.

Por exemplo, na semana passada o Jornal de Saúde solicitou a Fernanda Toledo, entrevista sobre Ortomolecular, ela concordou e disse que precisava responder na semana que vem para adequar a sua agenda.

Na quinta-feira, após contato na segunda, ela respondeu com email desconversando totalmente e não quis mais dar a entrevista e disse que no momento, bastante deselegante para quem vive de prestação de serviços e de clientes, que a clínica não tinha INTERESSE no Jornal, "
Bom dia



No momento  não temos interesse em participar do jornal.


Quando mudarmos de idéia entramos em contato.


Att.


Luciana".


Mudou totalmente o conceito de conversa telefônica por duas vezes. Onde poderia ter sido objetiva e dito simplesmente que levou quase uma semana para dizer, não. Assim o Jornal de Saúde poderia procurar outra esteticista com interesse em divulgar seus conhecimentos científicos atualizados em terapias alternativas.


Por certo, influenciou algum concorrente, a falta de perspectiva de divulgação de seu trabalho, como também a falta de verba para a divulgação que pode ter acarretado a desistência.


Tudo isso é muito conflitante e gera desconfiança e até mesmo certo espanto em relação a concorrência que é muito desleal ao inventar, caluniar e difamar o trabalho alheio de mais de 20 anos de mercado, feito com honestidade, carinho e perseverança.




Marcelo dos Santos - jornalista - MTb 16,539 SP/SP


Nenhum comentário:

Postar um comentário