quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Prefeitura de Belo Horizonte deixa bandidos e viciados em crack extorquir motoristas e moradores

Prefeitura de Belo Horizonte deixa bandidos e viciados em crack extorquir motoristas e moradores

As prefeituras como a Belo Horizonte não organizam esse comércio ilegal de tomadores d e carro que são bandidos e viciados em crack

Na Pedro Lessa, altura do 45, ao lado do Hospital Odilon Berehns há grupo de 5 maus elementos que fumam pedra de crack, dizem ser moradores de rua, passadores de entorpecentes, com diversas reclamações por extorsões a motoristas que estacionam nas imediações para ir ao Hospital ou UPA São Cristovão. Muitos estão doentes. São praticamente obrigados a darem dinheiro. Tem um que verdadeiro marginal, chamado Renato, este rouba as pessoas esfaqueia e intimida até mesmo os moradores.
Rua Pedro Lessa onde grupo de bandidos fingem tomar conta de carro e extorquem à população


Noutro dia quando chegava à noite com minha namorada fui seguido e atitude suspeita ele tentou pegar minha carteira e parece que estava armado com barra de ferro ou xuxo, espécie de ferro pontiagudo.

Sai correndo atrás desse meliante, chamei a Polícia para ele que veio, mas devido ele se esconder e fugir, não fazem absolutamente nada. Os comerciantes dão comida, café tudo para agradar esses desajustados que não possuem nenhum sentimento de gratidão e de respeito. Quando está com a cabeça cheia de Crack ou outra droga agem como se fossem donos do pedaço.

Minha sugestão e urgente pela segunça geral, mas principalmente de pessoas doentes, que estão desperadas, não sejam extorquidas, que se faça o Estacionamento com a organização pela Prefeitura, eles riscam carros se não querem que eles tomem conta, já ví discussões pessoais, brigas e sempre esses meliantes voltam a trabalhar com eles dizem, mas isso não trabalho, é extorção, é crime.

A organização de estacionamento, a vigilância de Guardas Municipais que façam com que eles saiam daqui seria bastante útil, tanto para os moradores, quanto para os comerciantes.

O dono do imóvel onde moro, o sr. Vulmar Almeida, é segundo sargento da PM, ele me autorizou a fazer a reclamação, pois se sentiu extorquido quando estacionou seu veículo em frente. Agora começa a violência a adentrar nas casas das pessoas. Eles roubam tudo quando está fácil para eles e as pessoas que se distraem perdem seus pertences e ainda agridem as pessoas, com tapas na cara, esfaqueamento. São criminosos que fingem trabalhar.

Essa reclamação foi dirigida para a Prefeitura de Belo Horizonte, que nunca organiza esse estacionamento na região, que é totalmente abandonado pelo Poder Público e os moradores ficam à mercê de bandidos que agem com todas as formas de violência.

Nenhum comentário:

Jornal de Saúde informa

Política: Haverá cooperação política, financeira e operacional entre Estados, diz Torquato

polticia nacional Atualização diária  ⋅   23 de fevereiro de 2018 NOTÍCIAS Haverá cooperação  política , financeira e operacional ent...

Jornal de Saúde